Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views : Ad Clicks : Ad Views :
TUDO SOBRE O MUNDO DIGITAL

Cursos, concursos, artigos, informações, etc.

Home / Marketing Digital / A mágica do marketing viral

A mágica do marketing viral

/

Marketing viral é toda forma de conteúdo que alcança altos índices de divulgação nas redes sociais e na mídia em geral. Trata-se de um conteúdo tão interessante e valioso para as pessoas que elas sentem desejo de compartilhá-lo com todos os seus contatos e amigos.

Tal conteúdo, após divulgado na internet, assume vida própria e se espalha e multiplica como um poderoso vírus, com a diferença que não é prejudicial como os vírus comuns.

Trata-se, porém, de uma estratégia de risco, pois nenhum conteúdo tem garantia antecipada de sucesso e pode até gerar um efeito contrário daquele esperado.

Mas a boa notícia é que algumas técnicas e estratégias podem aumentar muito a possibilidade do seu conteúdo se tornar um grande sucesso.

São métodos que podem ser implementados para preparar o caminho para que o marketing viral possa vir a acontecer.

Uma boa sacada é levar em consideração que as pessoas gostam de parecer que são espertas e inteligentes. Logo, se o seu conteúdo as fizer se sentir dessa forma é mais provável que compartilhem seu conteúdo.

marketing viral

O marketing viral já existia muito antes da Internet, em programas de rádio e televisão, revistas, músicas, comerciais, bordões, etc.

VOCÊ VERÁ NESSE ARTIGO

  • O que toda técnica ou campanha de marketing viral precisa para ser bem-sucedida e gerar os melhores resultados possíveis.
  • Métodos de marketing viral de ponta que você deve começar a usar imediatamente.
  • O que você nunca deve exigir de quem visita seu site quando está distribuindo e-books virais.
  • Como criar e-books de qualidade que outros webmasters estarão dispostos a distribuir para os seus contatos.
  • O que você precisa para obter vantagem ao escrever e compartilhar artigos e como fazê-lo.
  • As características que todo e-book gratuito deve ter a fim de garantir que seja transmitido de forma ativa e concisa a outros usuários.

ABRINDO AS PORTAS PARA O MARKETING VIRAL

Os principais ingredientes para que a receita do conteúdo viral possa se tornar realidade são os seguintes:

1- Conteúdo valioso, útil ou divertido (entretenimento);

2- Conteúdo importante socialmente e informativo;

Tais conteúdos estimulam as pessoas a divulgá-los.

Se você quiser usar “memes” pode ser uma boa opção, pois eles são conteúdos que já estão viralizados. Basta tomar cuidado para não usá-los fora de hora, ou seja, quando o assunto já não estiver mais no centro das atenções.

Procure também usar uma boa gramática e ortografia, além de fazer uma formatação correta para tornar o conteúdo agradável.

O WordPress define o Tema Centive Avante como ideal para profissionais autônomos exibirem seus produtos e conseguirem pedidos e orçamentos de clientes. Você que é infoprodutor, afiliado, consultor, produtor de conteúdo, etc, pode escolher este tema para alavancar suas vendas.

Clique aqui para mais informações.

ALGUNS EXEMPLOS DE MARKETING VIRAL

– Um ebook que se espalha na internet;

– Um artigo de grande relevância em um site ou blog;

– Um jogo gratuito;

– Um vídeo engraçado ou instrutivo;

– Postagens nas redes sociais muito comentadas e compartilhadas.

Não existe nenhum limite para os métodos em que o marketing viral pode ser implementado. O único critério é que os usuários tenham desejo de indicá-lo aos seus amigos.

A grande praticidade da técnica de marketing viral é o fato de que você só precisa configurar e postar uma única vez. A partir desse ponto acontece o processo “boca a boca”, que se multiplica  por conta própria.

É óbvio que você pode continuar sua própria divulgação enquanto achar necessário, estimulando a interação do público até o ponto em que já não será mais preciso fazê-lo.

TÉCNICAS DE MARKETING VIRAL

Métodos de marketing viral quando usados adequadamente podem ser responsáveis pela maioria do tráfego em um site ou das vendas relacionadas a um produto, já que quanto mais tráfego você recebe mais renda poderá gerar.

Mas aderir a algumas diretrizes irá ajudá-lo a obter melhores resultados.

Em primeiro lugar, você precisa fornecer algo que seja tanto original quanto interessante. Se quiser obter os melhores resultados virais, você não pode distribuir e-books que possuem pouco ou nenhum valor em termos de conteúdo.

Só porque é gratuito não significa que deve ser inferior. Ao contrário, você precisa distribuir e-books ou qualquer material com a mesma qualidade de um produto que seria vendido.

Se o produto não for bom o suficiente para ter um preço, não é bom o suficiente para ser usado como uma ferramenta de marketing viral. 

Afinal, ninguém vai recomendar algo que tem pouco ou nenhum valor.

LEGIBILIDADE

A forma do seu conteúdo também é importante. 

Pense na divisão do texto, subtítulos, imagens atraentes, listas numeradas, etc.

Não importa que você faça um e-book, um artigo ou um vídeo, certifique-se que seja algo que as pessoas vão querer comentar e compartilhar. Caso contrário, não haverá qualquer benefício para as pessoas desfrutarem.

Se seu conteúdo for um vídeo, saiba que a maioria dos vídeos virais são curtos. Dificilmente passam de um minuto.

Vídeos longos podem não prender a atenção.

O curso Método InfoEmpreendedor ensina do ZERO como realizar empreendedorismo digital sem gastar nada.
Adquira agora mesmo o curso Método Infoempreendedor. Um curso 100% online que te ensinará a gerar uma altíssima fonte de renda. Clique aqui para mais informações.

COMO CRIAR UM CONTEÚDO VIRAL

O objetivo principal é que seu produto viral esteja em tantas mãos quanto possível. Quanto mais pessoas o virem, mais ele será passado à frente e mais benefícios você poderá obter.

Para tanto, segue uma lista de idéias que vão colaborar para que seu conteúdo possa se tornar viral:

– Coloque o seu produto em sites que oferecem downloads gratuitos.

– Se seu produto for um artigo, envie-o para diretórios gratuitos de artigos, como por exemplo:

– Se o seu produto for um e-book, envie-o para o maior número possível de diretórios de e-books, como por exemplo o ebookMOZ.

– Crie uma versão do seu produto na qual as pessoas possam marcar suas próprias informações antes de passá-lo à frente.

– Deixe que as pessoas usem livremente seu produto, podendo incluí-lo em qualquer pacote de bônus.

– Se for o caso venda seu produto por um pequeno valor, concedendo a quem comprar todos os direitos de revendê-lo por quanto quiser ou entregá-lo como brinde ou isca digital.

– Permita que o usuário imprima seu e-book. Muitas pessoas preferem ler no papel do que na tela do computador ou do telefone celular.

ARTIGOS VIRAIS

Os artigos são uma das poucas coisas que podem executar duas tarefas diferentes e igualmente eficazes, viralmente falando…

Eles podem ser o próprio produto do marketing viral ou a ferramenta que promove o seu produto.

Seja como for, a chave para o sucesso é ter seu artigo amplamente distribuído. E, para conseguir isso, você precisa criar um artigo que os webmasters, os proprietários de boletins informativos e outros usuários on-line realmente desejem compartilhar.

Alguns poderão publicá-lo em seu site, outros em boletins de notícias, e outros poderão se sentir compelidos a indicá-lo para seus contatos.

ARTIGOS QUE SE TRANSFORMAM EM MARKETING VIRAL

Para obter mais engajamento em seus artigos você precisa escolher tópicos extremamente atrativos e interessantes. Uma das melhores estratégias é dar ao leitor a solução para um problema.

Vejamos três exemplos de manchetes que prometem ser atrativos por eliminar uma dor:

– Como perder 10 quilos em 10 dias sem comprimidos ou cirurgia.

– 15 maneiras de gerar o tráfego sem gastar nenhum centavo.

– 5 mudanças simples que irão duplicar sua renda no Google Adsense.

No entanto, é importante entregar realmente o tipo de informação que o título promete. Somente isso fará com que as pessoas desejem compartilhar seu conteúdo.

Se seu artigo estiver promovendo algum produto, é importante que todos os tópicos tenham alguma relação com ele.

Além disso, o conteúdo do artigo deve incluir links com o endereço do site ou da página de vendas do  produto, ou mesmo para download e cadastro, conforme o caso.

Apesar de estar dentro do corpo do artigo, seu link precisa ser incluído de maneira que não pareça se tratar de um anúncio.

Para tanto basta sugerir algo que contribui para o valor da informação contida no seu artigo, como por exemplo:

– Veja aqui mais informações sobre como perder peso com segurança (link).

O fantástico treinamento Fórmula Negócio Online é um curso de marketing digital completo totalmente em vídeo aulas que ensinam ao aluno o passo a passo do inicio ao fim para montar um negócio na internet.

Clique aqui para mais informações.

VÍRUS CRIANDO VÍRUS

Qualquer texto que se viralizar poderá ser usado para divulgar outros produtos que poderão seguir o mesmo caminho.

Por exemplo, se o seu produto viral é um e-book que ensina um método para realizar determinada tarefa, em algum lugar dentro do texto você poderá colocar um link para outro artigo que fala desse mesmo assunto ou de algum assunto relacionado.

Quanto mais valioso o artigo mais ele terá poder de alavancar outros conteúdos.

E o resultado será mais tráfego e mais vendas, propósito final do tráfego viral.

E-BOOK VIRAL

De todos os métodos virais disponíveis, distribuir e-books gratuitos ainda é o mais popular.

E, geralmente, o mais eficaz.

Mas para ser bom o e-book precisa oferecer conteúdo de grande valor.

Se seu e-book parece nada mais do que uma mensagem promocional para algum produto ou serviço, é improvável que alguém vai querer compartilhá-lo com seus amigos.

E, mesmo se alguém o fizer, não haverá muitas outras pessoas inclinadas continuar com a tarefa de distribuí-lo.

Nunca se esqueça que um conteúdo para ser viral precisa ser muito bom, conciso e emocionante. 

Não importa se seu e-book tem vinte ou cem páginas. Se o leitor percebe que obteve uma quantidade considerável de informação relevante ou qualquer benefício você já terá alcançado o objetivo de ter um conteúdo que poderá ser amplamente divulgado.

O QUE NÃO FAZER

Geralmente os autores de e-books exigem que os usuários deixem seu nome e e-mail para terem acesso ao download. 

Embora esse método seja bom para aumentar sua lista de e-mails, ele pode diminuir drasticamente o número de downloads de seu e-book, impedindo-o de se tornar viral.

É preciso ter em mente o objetivo de distribuir livremente e amplamente um produto de marketing viral, não causando qualquer dificuldade ou desconforto para quem quiser baixá-lo.

Às vezes é necessário escolher entre fazer um conteúdo viral ou aumentar sua lista de emails.

Mas tem uma maneira de resolver esse dilema:

É possível oferecer mais alguma coisa dentro do próprio e-book viral e então exigir o e-mail para o usuário poder fazer o download.

Você poderá oferecer uma planilha de dados, algum software útil ou até mesmo outro e-book.

Desde que seja algo de valor e esteja relacionado com o mesmo nicho.

CRIANDO SEU E-BOOK

Escrever seu próprio e-book pode ser uma tarefa bastante complicada, principalmente para quem nunca fez isso antes.

Mas desde que a única alternativa seja contratar alguém para escrevê-lo para você, será melhor pelo menos tentar.

Você pode se surpreender ao descobrir que não é tão difícil como pode parecer.

ESCOLHENDO SEU NICHO

Embora existam muitas direções que seu conteúdo poderá tomar, as mais populares são aquelas que seguem esses dois passos:

1. Prometer uma solução oportuna.

2. Ensinar exatamente como realizá-la.

Por exemplo, se o tema é perder peso rapidamente e com segurança, o título do seu e-book poderia ser: 

Como perder 10 quilos em 10 dias sem remédio ou cirurgia.

Se for conseguir mais tráfego gratuito para seu site, o título poderia ser: 

15 maneiras de gerar o tráfego sem gastar um centavo sequer.

O mais importante é que seu conteúdo apresente essas soluções com clareza e eficiência.

Ao escolher um nicho, pense sempre adiante: 

– Você pode associar um título matador com esse tema? 

– Você pode reunir algum conteúdo realmente dinâmico com base nesse nicho específico?

Se a resposta for não, mude imediatamente de nicho. Escolha algo que realmente possa se qualificar como um potencial produto de marketing viral.

CONHECENDO SEU NICHO

Você deve procurar informação de qualidade sobre o tema que escolher.

Faça uma lista de palavras-chave que estão diretamente relacionadas ao assunto e realize pesquisas usando cada um desses termos.

Assim que você conhecer bem determinado nicho de mercado, estará pronto para começar a desenvolver seu próprio conteúdo.

Mas não se esqueça de que, acima de tudo, seu e-book tem a finalidade de ser um produto de marketing viral.

DESENVOLVENDO O CONTEÚDO

Escolha uma área em que você se sente mais confiante e, em seguida, começar a escrever. 

No começo não se preocupe muito em fazer um artigo perfeito, mas em escrever algo novo e original.

Depois de escrito, certifique-se se seu e-book está pronto para a distribuição pública, tanto em termos de conteúdo quanto com relação às URLs inseridas.

COMPILANDO SEU E-BOOK

Se você está certo que o conteúdo do seu e-book é tão bom quanto deveria ser, chegou a hora de transformá-lo em um e-book real.

O formato mais usado para e-books é o PDF, por ser um formato universal que os usuários de Windows e Macintosh podem acessar com o Adobe Reader, um programa que já vem instalado na maioria dos computadores.

No entanto, se ele não estiver instalado, basta baixar uma cópia gratuita no site Adobe.com: https://www.adobe.com/br.

Você poderá usar também os seguintes programas:

– PDF995: http://www.PDF995.com

– Primopdf: http://www.PrimoPDF.com

Além do conversor PDF da Neevia, no endereço http://Convert.neevia.com, que permite que você crie e-books em PDF gratuitamente online.

CONCLUSÃO

O marketing viral é uma estratégia envolvente que atrai olhares curiosos para o que você está promovendo.

Precisa, portanto, ser tratado com carinho e atenção. 

Todas as dicas desse artigo, se colocadas em práticas, serão suficientes para abrir as portas para essa possibilidade.

Com o tempo você descobrirá quais delas são melhores e como implementá-las.

E, quando chegar lá, vai precisar aprender a manter seu vírus vivo.

3 Comments

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *